Nova Lima Planejada

Home/ Notícias

Trânsito congestionado é sinônimo de horas para chegar ao trabalho, à escola ou casa. Esse é um dos problemas enfrentados diariamente pelos nova-limenses que passam pela região das Seis Pistas – trajeto necessário para se chegar à capital.

Com o propósito de resolver esse e outros gargalos nas regionais e na sede da cidade, a Prefeitura tem trabalhado no Plano Municipal de Mobilidade Urbana para que Nova Lima possa ter alternativas viárias, espaços reservados à prática esportiva, como o ciclismo, e integração do transporte.

Dentre as propostas do governo municipal estão:

- Redução da necessidade de viagens motorizadas, descentralizando os serviços públicos e facilitando o acesso dos mesmos;

- Desenvolver os meios não motorizados com a valorização das bicicletas como transporte importante, integrando-a ao transporte coletivo;

- Valorização do caminhar como modo de transporte para viagens curtas;

- Fazer valer a mobilidade urbana para pessoas com deficiência e restrições de movimentos;

- Priorizar o transporte público coletivo;

- Integrar os diversos modos de transporte.

Primeira obra já está a caminho:

“Diamante” vai ser construído no trevo do BH Shopping

Diverging Diamond Interchange, ou DDI, é um termo em inglês que exemplifica a obra que será a primeira contemplada com a assinatura do Termo de Compromisso. O projeto prevê a construção, em até oito meses, de alças complementares, introdução da mão inglesa e redução drástica de trânsito na intercessão do Trevo do BH Shopping.

Engarrafamentos na divisa de Nova Lima com BH mais perto do fim

Uma das ações imediatas para desafogar o trânsito é a implantação do DDI (Diverging Diamond Interchange) no Trevo do BH Shopping. As obras são fruto do Termo de Compromisso assinado pela Prefeitura de Nova Lima com o Ministério Público de Minas Gerais, a Prefeitura de Belo Horizonte, a BHTrans e a Associação dos Empreendedores do Vila da Serra e Vale do Sereno, para desenvolver projetos e executar obras viárias para desafogar o trânsito na região.

Com a assinatura do documento, valores de medidas compensatórias, ambientais e viárias (referentes a empreendimentos a serem licenciados no Vale do Sereno, Vila da Serra e Belvedere) constituirão uma conta judicial destinada única e exclusivamente a desenvolvimento de projetos e execução de obras viárias no local.

Assim, sempre que empreendimentos de grande porte forem instalados nessa região, deverão pagar, por meio de medida compensatória, valores para serem destinados a obras locais de mobilidade urbana.

 

Projeto audacioso vai integrar o Centro de Nova Lima ao Anel Rodoviário

Está em andamento um estudo para construir a Via Estruturante Sul, que vai ligar a região central de Nova Lima (saindo próximo à Rodoviária) até a entrada do Anel Rodoviário por meio de seis vias rápidas, sem cruzamentos, semáforos ou qualquer interferência e com ciclovias e áreas de lazer para a população do entorno. O projeto tem por base a utilização da antiga linha férrea de Águas Claras para a construção de 14 km de vias.

Para que a Via Estruturante seja feita, o prefeito Vitor Penido tem se reunido com o prefeito de Belo Horizonte, Alexandre Kalil, para discutir formas de viabilizar a obra, além de buscar investimentos dos governos Federal e Estadual nesse importante acesso.

 

Compartilhe